O que são e-sports? Descubra agora mesmo Escola SAGA

O que são e-sports? Descubra agora mesmo

Entenda qual é a importância do projeto 3D na arquitetura
05/07/2019
Jogos na educação: 4 motivos para se especializar nesse mercado
05/13/2019
Exibir Tudo

Já faz um bom tempo que os jogos eletrônicos deixaram de ser apenas uma forma de lazer para jovens e adultos. Atualmente, os videogames representam uma forte modalidade de esporte eletrônico, também conhecido como e-sports.

Dessa forma, os electronics sports movimentam a economia de diversos países pelo mundo, e no Brasil não é diferente. É cada vez mais comum encontrar transmissões em tempo real de jogos em grandes canais de televisão, como o ESPN e o SporTV.

Se você ainda não está por dentro dessa nova paixão nacional, não deixe de conferir o post de hoje. Mostraremos a seguir o que são e-sports e como funcionam. Acompanhe!

O que são e-sports?

O esporte eletrônico ou e-sport, como é mais conhecido, consiste em torneios e competições de jogos eletrônicos. Eles podem envolver equipes, que são verdadeiras organizações, ou jogadores individuais. As partidas acontecem em eventos presenciais, onde os computadores são conectados em LAN ou por meio da internet.

Mesmo não envolvendo nenhuma atividade física, os e-sports já são considerados uma modalidade de esporte em todo o mundo. E isso não é à toa: os atletas e jogadores profissionais necessitam de treinamento, dedicação e disciplina como em qualquer outra competição — que exige várias horas semanais de treino prático e teórico.

De acordo com uma projeção feita pelo grupo GoldMan Sachs, os e-sports podem conseguir a incrível marca de US$ 3 bilhões de faturamento até o ano de 2022. Além de alcançar a audiência da liga nacional de futebol americano atual.

As principais competições são transmitidas em tempo real pela internet, atraindo milhares de gamers a cada partida. Além disso, contam também com as etapas presenciais, com direito a plateia, narradores oficiais e, em alguns casos, grandes apresentações e shows.

Boa parte dos jogos são online e gratuitos, o que contribui para o reconhecimento do esporte e da torcida. Como exemplo do game mais famoso da categoria no Brasil, temos o League of Legends (LoL), da produtora Riot Games. Contudo, outros jogos clássicos, como Counter-Srike e FIFA, também não param de crescer.

Por isso, hoje não é difícil ligar a televisão em um canal esportivo e encontrar uma transmissão de e-sport ou até mesmo programas específicos para o público gamer.

Como funcionam os e-sports?

Há uma grande diversidade de jogos e as competições de e-sports variam de acordo com o tipo do game, regras e exclusividades de cada um. Ou seja, existem torneios para todos os tipos de games.

Esse cenário contribui não só para a diversão dos espectadores, mas também para o crescimento do setor, atraindo grandes organizações.

Os jogos de estratégia, tiro e simulação de “esportes reais” — como os games de futebol — são os mais populares, e neles organizações e empresas criam competições de diversos níveis e tamanhos.

No Brasil, existe a Confederação Brasileira de E-sports, um órgão sem fins lucrativos que estabelece parâmetros para identificar se um torneio é semiprofissional ou profissional.

Para ser considerada uma competição semiprofissional é preciso seguir alguns padrões preestabelecidos, como disponibilizar um site com as informações da organização, oferecer uma premiação, providenciar canais de transmissão, além da necessidade de aprovação da produtora do game.

No caso das competições profissionais, é necessário cumprir todos esses requisitos, além de dispor de um estúdio próprio e um espaço para os eventos presenciais.

A popularidade dos e-sports atraiu até mesmo grandes clubes de futebol profissionais, com times de FIFA e outros jogos, como é o caso do gigante brasileiro: Flamengo, que dispõe de um time de League of Legends muito famoso o — Flamengo e-sports.

Quais são os principais games do e-sport?

Existe uma grande variedade de jogos que já fazem parte do e-sport. A seguir vamos falar dos mais famosos no Brasil. Confira!

Counter-Strike Global Offensive

O game no estilo first-person shooter (FPS) já era uma febre no Brasil desde as suas primeiras versões. O CS 1.6, por exemplo, garantiu horas de jogatinas nas Lan Houses pelo país. Mesmo sendo um clássico, o CS se tornou uma febre no mundo dos e-sports.

Hoje, na versão Global Offensive, continua fazendo um enorme sucesso, com torneios e competições pelo mundo todo.

 

FIFA

O jogo de futebol produzido pela EA Sports é famoso por simular uma partida de futebol — a paixão dos brasileiros. E no e-sport não é diferente, visto que as transmissões de partidas atraem centenas de torcedores.

E, assim como o Counter-Strike, o FIFA é um clássico que não fica para trás quando comparado a jogos mais novos.

League Of Legends

O já mencionado League of Legends é um game no estilo multiplayer online battle arena (MOBA), produzido e publicado pela empresa Riot Games.

O jogo faz sucesso no Brasil há um bom tempo, chamando a atenção de grandes empresas, como a Vivo e até mesmo clubes de futebol.

 

O panorama dos e-sports no Brasil

Uma das primeiras competições de e-sports foi no ano de 1972, quando a Universidade de Stanford criou as Olimpíadas Intergalácticas de Spacewar. No entanto, somente no começo dos anos 2000 que a categoria começou a crescer.

Atualmente, a Ásia tem o maior mercado gamer do planeta, mas o Brasil não fica para trás! Para se ter uma ideia, o Riot Games Brasil alcançou a incrível audiência de 5,7 milhões de horas assistidas entre janeiro e junho de 2018 — representando uma ótima oportunidade de investimento para os empreendedores brasileiros e uma carreira para os gamers.

Segundo uma pesquisa realizada pela SportTV, existem cerca de 125 jogadores profissionais do MOBA League of Legends no Brasil. O salário de cada um pode variar de acordo com a sua fama, podendo chegar até R$ 15 mil por mês.

Vale destacar, ainda, que o Projeto de Lei nº 383/2017 está em tramitação, para decidir sobre a regulamentação da prática dos esportes eletrônicos. Apesar de reconhecer a modalidade, alguns especialistas temem pela decisão da justiça. Isso porque, uma vez aprovada, novas regras, burocracias e impostos farão parte do cotidiano dos e-sports no Brasil.

Neste post, mostramos o que são e-sports e quais são os principais jogos competitivos do momento. Agora você já está pronto para acompanhar um dos esportes do futuro!

Quer continuar aprendendo sobre o universo gamer? Então não deixe de conferir nosso post sobre o que é a arte digital. Até a próxima e boa leitura!

 

Gostou das dicas? Agora é só preparar a pipoca e fazer uma maratona.

Start seu Futuro!

Vá até a escola SAGA mais próxima e matricule-se no Curso START!