Desenvolvimento de Games: mostre para sua família que é coisa séria!

Desenvolvimento de Games: mostre para sua família que é coisa séria!

Confira as 5 melhores dicas para ser um programador de jogos
06/30/2017
SAGA NA MÍDIA – Jornal da Gazeta: O mercado de jogos no Brasil
07/14/2017
Exibir Tudo

Desenvolvimento de Games: mostre para sua família que é coisa séria!

Quem trabalha com desenvolvimento de games pode ter uma certa dificuldade em explicar para outras pessoas que seu trabalho não é simplesmente algo sem importância.

Já faz algum tempo que os games deixaram de ser apenas um entretenimento para crianças, embora algumas pessoas ainda tenham em mente essa imagem quando falamos sobre eles.

Por isso separamos esses benefícios proporcionados pelos videogames. Confira!

Fonte da imagem: fabricadecursos.com.br

1. Jogos são utilizados por empresas

Cada vez mais empresas estão recorrendo aos games para oferecer melhores treinamentos aos seus funcionários, já que os jogos permitem simular situações reais. Esse nicho de mercado já tem até um nome: serious games.

Outra aplicação dos games por empresas é na hora do recrutamento. Muitos departamentos de recursos humanos vêm utilizando jogos eletrônicos para traçar perfis comportamentais de candidatos a vagas. Segundo eles, os games ajudam a identificar traços de personalidade e reações a situações adversas.

2. Jogos melhoram a coordenação motora

Segundo um estudo realizado pela Universidade de Iowa (EUA), jogar três horas de videogame por semana faz com que cirurgiões cometam menos erros em procedimentos cirúrgicos de menor complexidade, além de reduzir o tempo médio de cirurgia.

Já outro estudo, realizado pela Universidade de Albuquerque (EUA), demonstrou que o córtex cerebral dos gamers é maior justamente na área responsável pela coordenação motora. Isso aumenta a coordenação entre os olhos e as mãos.

Fonte da imagem: 6iee.com

3. Jogos melhoram a concentração

Convenhamos, não é fácil prestar atenção ao que acontece na tela e, ao mesmo tempo, tomar decisões rápidas, apertar os botões certos e já analisar a jogada seguinte. Tudo isso repetidas vezes e, geralmente, com um tempo limitado.

Por isso mesmo, gamers costumam ser capazes de se concentrar em até 6 coisas ao mesmo tempo, enquanto a maioria das pessoas geralmente consegue se concentrar em até 4. Pessoas que jogam videogames também conseguem responder a testes de cognição com eficiência até 20% maior que a dos demais.

Fonte da imagem: Kingdom Games

4. Jogos melhoram o raciocínio lógico

Há também estudos que apontam que crianças que jogam moderadamente jogos de estratégia desenvolvem melhor o raciocínio lógico em relação às crianças que não jogam.

E a explicação é bastante simples: cada fase apresenta um desafio que deve ser solucionado. E a busca pela solução estimula o cérebro das crianças. Ao solucionar o desafio de uma fase, logo ela se verá frente a outro desafio, diferente do anterior. Portanto, o cérebro nunca deixa de ser estimulado durante o período de jogo.

Jogos em realidade virtual também tem esse potencial! Fonte: VR Fitness Insider

5. Jogos podem ser um ótimo exercício físico

Aquela ideia de sedentarismo associada aos games já está ultrapassada. Alguns consoles como o Nintendo Wii e o Kinect, do Xbox, oferecem jogos que necessitam de muita movimentação, inclusive sendo jogados em pé.

Títulos como o Wii Sports e o Just Dance são ótimos exemplos de games que divertem e exercitam o corpo ao mesmo tempo.

Agora você já pode mostrar para sua família e seus amigos que o desenvolvimento de games não é só criar jogos casuais, mas também poder fazer algo que estimule a criatividade, o raciocínio e até a parte física das pessoas.

Compartilhe este post para mostrar para todo mundo os benefícios dos games e aproveite para conhecer o Playgame, o curso de desenvolvimento de jogos da SAGA!

Start seu Futuro!

Vá até a escola SAGA mais próxima e matricule-se no Curso PLAYGAME