Desenvolvimento de Jogos: o mercado que mais cresce no mundo!

Desenvolvimento de Jogos: o mercado que mais cresce no mundo!

Modelagem 3D: entenda a importância da escultura para jogos
11/09/2017
5 dicas de ouro para criar o seu primeiro game
11/23/2017
Exibir Tudo

Desenvolvimento de Jogos: o mercado que mais cresce no mundo!

O mercado de desenvolvimento de jogos cresce a cada dia. Isso porque, os fãs dos primeiros videogames (Atari, Mega Drive, Super Nintendo etc.) não apenas mantiveram a sua paixão, como também passaram a compartilhar com os filhos as mais recentes inovações do mundo dos games, sejam eles no PC, smartphones ou consoles.

Assim, o público consumidor de jogos nunca foi tão grande, o que impulsiona o mercado de desenvolvimento de jogos como nunca antes. O Brasil, por exemplo, já é o 12° país mais rentável nesse negócio. Com tanto crescimento faltam profissionais qualificados para atuar no mercado.

Assim, este artigo abordará sobre a profissão do desenvolvedor de jogos e trará um panorama desse setor no Brasil e no mundo. Confira!

Imagem: Becker.edu

Imagem: brainflash

Como é o trabalho de desenvolvimento de jogos?

O desenvolvimento de jogos não se restringe apenas a uma profissão, várias carreiras podem ser desdobradas na produção de games. Embora algumas atividades sejam mais lembradas, é preciso uma mescla de profissionais para deixar tudo funcional. Veja abaixo algumas profissões para quem deseja desenvolver na área:

  • Designer de games: o designer ou projetista de jogos é a pessoa que elabora o conceito do game. Para isso, precisa utilizar a criatividade para formar um conceito que seja de fácil entendimento para os outros profissionais, mas que ao mesmo tempo surpreenda os jogadores.
  • Animador de games: é o profissional responsável pela movimentação do jogo. Os animadores são, em sua maioria, formados nos cursos de computação gráfica.
  • Programador: é um dos mais importantes no desenvolvimento. Ele é quem escreve os códigos para dar funcionamento correto ao game.

Além desses, os editores de som e vídeo, técnico em 3D e roteiristas são outros profissionais que fazem parte do desenvolvimento de um jogo. Assim, é importante identificar qual atividade se encaixa melhor no seu perfil antes de dar o pontapé inicial.

Como anda o mercado de games no Brasil?

O Brasil é o maior consumidor de games na América Latina. Embora esteja na liderança regional, esse é um mercado que está apenas no início. Muitas áreas ainda sofrem com a falta de internet banda larga e do acesso a computadores e consoles mais “turbinados”. Além disso, esse mercado está também invadindo as empresas, que estão utilizando a gamificação de diversas formas, sendo os treinamentos a principal delas.

O investimento em marketing de grandes marcas, como Sony e Microsoft, e os smartphones com cada vez mais capacidade de processamento só tende a aumentar a demanda.

Imagem: wccftech

E no mundo?

A China é o maior mercado consumidor, seguida dos Estados Unidos e Japão. Se no Brasil, a possibilidade para a criação de jogos para tablets e smartphones é promissora, em termos mundiais, isso já é uma realidade. Mas isso não quer dizer que eles estão parados, na verdade investem continuamente no desenvolvimento de novas funcionalidades, gadgets e melhoria de qualidade. O cenário de consumo de games não poderia ser mais favorável para os desenvolvedores.

O desenvolvimento de jogos está em plena expansão e tende a crescer a cada nova geração. Com games sendo criados constantemente para novas plataformas, basta que o profissional que deseja entrar na área escolha a atividade que mais se encaixa no perfil e mergulhe de vez nesse mercado crescente.

Achou este conteúdo interessante? Quer se manter atualizado sobre o mercado de desenvolvimento de jogos? Siga nossas redes sociais, estamos no FacebookTwitterYouTube e Instagram!

Start seu Futuro!

Vá até a escola SAGA mais próxima e matricule-se no curso PLAYGAME